MVIzquierdo

O Lado Esquerdo dos Blogs ou Aquele Blog Onde Você Sente Vergonha Alheia, Mas Tranquilo

Pesquisar neste blog

Translate

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Aprendendo a ofender com shakespeare

Shakespeare não é só o grande dramaturgo que é. É também o rei das ofensas mais ácidas que eu já vi.

Estou lendo a peça O rei Lear, e já deu pra aprender muita coisa.

Um dos fiéis servidores do rei Lear, o conde Kent, se enfureceu com o mordomo de uma das filhas traiçoeiras do monarca, e começou a ofender o homem.

Daí aprendi coisas como:

"(...) filho da puta, nojento podabarbas (...)"

"(...) canalha, um patife, um comedor de restos (...)"

"Canalha covarde, a natureza te renega; foi um alfaiate que te fez?"

"Vou triturar este vilão grosseiro e fazer dele massa para rebocar paredes de latrina"

E o melhor de todos:

"Tu, "zê" filho da puta, letra desnecessária!"

Uma aula de difamação com alto teor trágico. Algo para se levar para a vida.

Nenhum comentário: