MVIzquierdo

O Lado Esquerdo dos Blogs ou Aquele Blog Onde Você Sente Vergonha Alheia, Mas Tranquilo

Pesquisar neste blog

Translate

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Histórias de amor

No ponto de ônibus, há uns instantes atrás, duas mulheres conversavam. A morena contava:
- Então, essa minha era simplesmente apaixonada por um cara. Ela ficava só de olho nele, mas nunca chegava.

A loira, desacreditada:
- Shi, lá vem história triste..


- Vai vendo... Até que um dia ele acabou namorando uma outra menina. A minha amiga entrou em choque. Só chorava. Acabaram contando pro cara que ela gostava dele há muito tempo, e ele disse que nem sabia. A minha amiga se arrepende até hoje de não ter se declarado pra ele.



- Que coisa horrível. Já comigo aconteceu algo engraçado também. Eu entrei de férias e liguei o computador de casa, que eu não mexia há muito tempo. Meu messenger atualizou tudo, e apareceram milhares de janelas de conversas.

- Odeio.

- Calma. Eu comecei a conversar com um monte de gente, até que apareceu o Alê, que eu não via há dez anos. Ele perguntou se eu ainda estava morando em Santa Catarina. Eu disse que estava em São Paulo, e ele também! A gente conversou até de madrugada e decidiu tomar um café.

- Aproveitadora.

- Nós nos vimos e ele me deixou em casa. Rolou um beijo. Tá rolando até hoje.


Histórias de amor, ouvidas por aí.

Um comentário:

Helena disse...

É bom saber que, pelo menos, algumas dão certo.
Porque, olha, o negócio tá desesperador ultimamente! ;)

Beijão.